Chicago Justice chega hoje à telinha do Universal Channel

Como a Cleide já adiantou nos Destaques ontem, hoje é dia de estréia no Universal Channel com a chegada de mais uma série de Dick Wolf que usa como cenário a cidade dos ventos:  Chicago Justice traz a promotoria e seu pequeno grupo de investigadores para o centro das histórias.

E, para estrear a série, o Universal Channel preparou a exibição do crossover das séries Chicago Fire, Chicago PD e Chicago Justice a partir das 20h15.

E os fãs de Chicago PD já conhecem pelo menos um dos personagens da nova série: Antonio (Jon Seda), que deixou a equipe da Inteligência para liderar a equipe de detetives da promotoria, mas terá de encarar olhares tortos por conta de ter sido o braço direito de Voight (Jason Beghe), cujo passado negro ainda não foi apagado.

A exibição especial começa com Deathtrap de Chicago Fire, quando esquadrão recebe um chamado para ajudar em um incêndio que mobiliza toda a cidade. Uma antiga fábrica, transformada em espaço de moradia e trabalho, está em chamas e diversas vítimas estão presas no local. O drama ganha tons pessoais quando descobrem que a filha do detetive Olinsky está entre as vítimas do incêndio, sendo levada para o Chicago Med com as demais.

Após o controle do incêndio chega a vez dos policiais de Chicago PD investigarem as possíveis causas em Emotional Proximity, ainda com o apoio do Batalhão 51 dos bombeiros e de Stone (Philip Winchester).

Temos então a estreia de Chicago Justice às 21h45 e mostra que, após a captura de um suspeito pelo incêndio que matou 39 pessoas, cabe a Peter Stone (Philip Winchester) e sua equipe, incluindo o investigador, Antonio Dawson (Jon Seda), intervir para trazer paz e resolução a tantas famílias e amigos das vítimas.

Ao se encontrar cara a cara com o advogado especialista (Bradley Whitford), a equipe precisa lidar com uma confissão polêmica, evidências incriminadoras e um motivo questionável.

Leave a Reply