Grey’s Anatomy: Jukebox Hero (13×11)

Pronto. Acabou. Affff! Ou pelo menos você está achando, não é? Parece que não conhece esse povo de Grey’s Anatomy, capaz de fazer uma temporada maravilhosa e depois um que você simplesmente quer fingir que não existiu.

Porque eu tenho certeza de que esse é o destino desta décima terceira temporada. A gente vai querer esquecer essa trama todo do Alex, criada apenas para segurar a audiência querendo saber o destino de um de seus personagens favoritos, e vai querer esquecer a trama da Eliza Mennick, porque ela não tem sentido algum.

Pelo menos Jukebox Hero marcou o fim da lenga lenga sobre Alex ir para a prisão. Sim, aquilo que eu achava que aconteceria aconteceu: depois de Jo fazer drama para o Alex sobre o segredo dela ser descoberto e ele correr para se entregar, ela fez drama para o De Luca que correu para encerrar o processo e proteger a princesa. Alex fica livre, De Luca quase vira herói e agora os dois vão disputar o coração da mocinha.

E por disputar o coração da mocinha vocês entendam: me encher o saco com mais trama horrível. O que foi a Jo dando aquele piti no estacionamento com o Ben? Ela é trouxa demais, irritante demais, mala demais, minha gente. Se alguém ainda acha que ela e Alex devem ficar juntos eu digo a esta pessoa: reveja os seus conceitos.

Enquanto Meredith fica na sua busca por Alex – que judiou da amiga ao não mandar nem um whatsapp avisando que estava livre – o resto do hospital ficou em clima de guerra com Mennick e seu plano de conquista. Mennick que até tenta, mas não facilita e a Bailey não ajuda. Nada.

Continuo achando a trama desnecessária e desrespeitosa, como o próprio personagem Richard coloca para a Bailey em determinado momento. A chefe da cirurgia simplesmente não soube lidar com a pressão de Catherine e quis uma solução que não significasse um confronto dela com Richard e no final foi isso que aconteceu.

Bailey procurando dividir a responsabilidade do confronto não é novidade, ela fez o mesmo com a história da cirurgia de corredor do Ben e também lá a coisa não funcionou direito, com ela não concordando com os colegas. Aqui a coisa fica piora e acho que está bem longe de melhorar.

E eu nem falei da coisa toda com a Amelia, que continua sendo injustificável. Colocasse a barriga de grávida da atriz atrás da mesa de cirurgia, gente! Afff!

Leave a Reply