Supernatural: Stuck in the Middle (With You) (12×12)

Andadinha estilo Cães de Aluguel: um clássico e este foi um bom uso dela. E essa não foi a única referência do episódio a la Tarantino: a cena na cafeteria, o nome do episódio, a forma como algumas outras cenas foram feitas.

Agora, que a gente descobriu da onde o Dean puxou a cabeça dura não é verdade? Porque a Mary está ali metendo os pés pelas mãos, fez com que um caçador acabasse morto e quase fez com que Castiel também morresse porque quer trabalhar com os Homens das Letras e guardar segredo sobre isso.

E a confusão aonde ela enfiou todos foi das grandes: roubar um item de um dos príncipes dos infernos, um dos primeiros demônios, com aqueles olhos amarelos que todos nós aprendemos a odiar.

Graças a história, ainda, descobrimos como é que Crowley acabou sendo o rei do inferno: após a partida de Lúcifer, Crowley foi entregar o reinado ao príncipe do inferno, mas descobriu que ele não tinha interesse na posição e acabou assumindo o cargo com a condição de não deixar que ninguém o incomodasse.

Missão cumprida com sucesso até que os Homens das Letras encarregassem Mary do tal roubo.

No final das contas Mary consegue o tal artefato, escondida dos meninos, e Crowley salvou o dia ao salvar Castiel. Eu sei que a gente não pode gostar dele e que ele mesmo não quer assumir que está no time dos bons garotos, mas no final ele já faz parte do time mesmo – aquela pose toda deles serem úteis aos seus planos não engana ninguém.

O episódio ainda trouxe de brinde a visão de Lúcifer na gaiolinha de Crowley. Isso não tem como acabar bem.

P.S. Não sei vocês, mas eu definitivamente não achei legal Mary em nenhum momento mostrar que entregaria o Colt – sim, esse foi o item que ela roubou para os Homens das Letras – mesmo com os filhos podendo ser mortos ou com Castiel quase morto. Me pareceu frio demais.

3 Comentários em “Supernatural: Stuck in the Middle (With You) (12×12)”

  1. Cleide

    Eu simplesmente amei o episódio \o/

    Só SPN para fazer e ainda homenagear alguém, um episódio com todo ritmo de Tarantino é para poucos.

    E sim eu berrei …. He’s back !!!

    É outra tarefa que só SPN consegue, fazer vibrar com a volta de Lúcifer !

    1. Cleide

      Ahhhh …. Fora Mary, volta Jonh !!!

Leave a Reply