Grimm: Good to the Bone (5×18)

Adalind sendo obrigada a fazer escolhas impossíveis, não é verdade? Eu confesso que comecei o episódio pensando que ela estava muito errada de não contar a verdade ao Nick. Depois, quando ela se aproximou dele e coisa e tal eu pensei “agora vai”. Não foi. Eu fico imaginando o medo que ela está de como ele vai reagir e fico imaginando como ele vai reagir quando ela finalmente contar e se eles realmente ainda terão uma chance depois de tudo isso.

Ela contar sobre Renard a procurar foi um alívio, mas em seguida ela vai encontrá-lo de novo e não conta e eu fico de coração apertado de novo. Fico imaginando que ela devia, ainda mais depois de Nick contar que Renard está com a Garra Negra, ainda mais considerando o Kelly.

Só que agora o Renard trouxe a Diana de volta para a vida dela e eu simplesmente não sei o que ela vai fazer. Eu não saberia o que fazer. Quer dizer, a gente sabe que ela deve contar tudo ao Nick, afinal ele é quem melhor pode ajudá-la a ficar com os dois filhos, mas tenho medo de que ela tenha medo e, bem, medo é sempre o pior conselheiro – acho que pior que a raiva, até.

Grimm Good to the Bone 5x18 s05e18 Adalind Diana

Bom, enquanto estavam ferrando com a vida da loira, de novo, Nick e Hanck foram cuidar do estranho caso dos homens abutre. Devo dizer a vocês que apesar das cenas um tanto nojentas, foi uma das coisas mais lógicas que eu já vi. Eu não bato bem, né? Bom, o caso gerou umas boas piadas do Monroe e o nosso blutbad terminou a noite mais fedido que necrotério sem luz há uma semana. Rosalee sempre ótima e sempre com a solução certa, certo?

Só que o caso serviu mesmo para mostrar para a gente o que aconteceu com o Wu desde que ele tropeçou com a lobisomem: Wu agora é um lobisomem. E isso não pode ser bom já que em teoria essa é uma doença que afeta blutbads e ele é apenas um humano próximo demais de wesens. Se eu fosse ele eu corria na Rosalee porque… Bem, porque simplesmente não existe outra opção.

Já Hank está todo felizinho com o reaparecimento Zuri. Alguém aí lembrava da fisioterapeuta que desistiu do Hank quando descobriu que wesens existem? Pois bem, a moça tá devotada demais a reconquistar nosso policial e eu não consigo achar isso normal. Não é que eu não goste do Hank, mas fico pensando em qual é a segunda intenção da moça.

P.S. Se eu falar que fiquei com mais nojinho do Wu no banheiro que dos wesens linguarudos, vocês acreditam?

P.S. do P.S. Rosalee é a melhor: pegou na hora que essa preocupação toda da Eve tem cara de Juliette e depois foi a mais fofa do mundo cuidando do Kelly. Demorou bebê Monroe, né?

Leave a Reply