CSI: Cyber: Python’s Revenge (2×15)

Ao que parece o defeito de CSI: Cyber se repete a cada temporada: uma trama com ótimo potencial, criar uma expectativa com o que virá e então entregar uma conclusão meia boca. Foi assim na primeira temporada, foi assim com a trama do Toby (era esse o nome?), o rapaz que Avery havia ajudado e depois a traiu, foi assim aqui com Python e provavelmente será assim como a perseguidora do Mundo de que não ouvimos falar há episódios.

Para aumentar a tensão até mesmo a menina que era a melhor amiga da Avery eles trouxeram de volta, mas nem assim eu consegui me conectar com a trama – achei uma boa palavra dado o tema da série.

Sim, teve a bem sacada história do malware que ele havia instalado quando passou pelo escritório da equipe apenas veio a agir depois que Avery pediu o rastreamento do vídeo, mas todo o resto não empolgou, desde a busca pelo colega da Interpol que estava atrás de vingança, até eles finalmente localizarem aonde a guria estava presa, em nenhum momento eu realmente me senti tensa quanto aos próximos acontecimentos.

CSI Cyber Phytons Revenge 2x15 s02e15

A única surpresa do roteiro foi a morte do vilão na casa de Avery – porque ele aparecer por lá também não foi surpresa.

Só acho que ela devia aproveitar que as coisas dela ainda estão nas caixas e mudar de novo…

 

 

Um Comentário em “CSI: Cyber: Python’s Revenge (2×15)”

  1. Andrea Lima

    Não assistia a Cyber a alguns episódios. Qdo li a sinopse da semana passada, me entusiasmei, achei que seria uma chance para retomar a série; porém que decepção. Roteiro frouxo, sem pegada. É, parece que vou continuar afastada de Cyber, por mais um tempo.

Leave a Reply