Falling Skies: A Thing With Feathers (4×08)

Ai, gente, que episódio mais ou menos foi esse? Confesso que depois de arrasarem com mais da metade do elenco no massacre da semana passada eu fiquei esperando bastante deste, fosse o desespero total dos que ficarem, fosse a busca por novos caminhos agora que a coisa ficou preta.

Falling Skies: A Thing With Feathers s04e08 4x8 hall tom moon

Ao invés disso gastamos um bom tempo com Lexi tentando convencer Ben de que o caminho de transformar humanos em quase esphenis é apenas evolução – e me convencendo de que ela é mais trouxa do que eu poderia imaginar – e mais um pouco de tempo com nada.

Sim, tivemos toda a trama da Maggie quase morta, quase paralítica, resolvida com a retirada de alguns dos pinos do Ben agora instalados nela, aumentando ainda mais a ligação dos dois e resultando em num bico ainda maior do Hal – como a Mica bem falou: é difícil mesmo se apegar a alguns personagens e o tempo gastos com eles acabam apenas nos irritando.

Tudo bem, tivemos o casal Pope finalmente se beijando, mas mesmo eu adorando os dois e achando sensacional como eles conseguiram achar um par tão bom para o personagem mais mal humorado da televisão, eu ainda acho que ele perdeu substância e, consequentemente, importância na trama.

E o Tom? Bom, alguém devia explicar pra ele que a gente não sai enfiando a mão em buracos desconhecidos, ainda mais quando você está dentro de uma nave inimiga. Na verdade, ele só enfiou o braço ali para que fosse preciso tirar o tal “pino da granada” e então a gente ver a ligação entre a lua e a nave.

O que isso significa? Olha, a esta altura eu não consigo fazer a mínima ideia.

P.S. Tá, eu sei, Anne é mãe da monstrinha, mas numa situação de extremos como a deles eu não ia insistir em ir atrás dela depois que mataram mais da metade dos meus conhecidos justamente porque ela está ao lado do inimigo. Na torcida pra monstrinha matar a mãe e morrer durante o processo, affff!

P.S. do P.S. Não engoli direito essa história de tirar parte dos espinhos do arreio e ficar tudo bem. Mais que isso: ficar tudo ótimo, já que em questão de minutos Maggie já saiu saltitando por aí.

Leave a Reply